Publicado em Deixe um comentário

5 dicas na hora de comprar e vender artes digitais

expositores de artes digitais no Brasil

O mundo mudou e atualmente é possível comprar e vender artes digitais com facilidade, pois o público busca por novidades. Enquanto você lê esse texto, alguém adquire uma obra digital e movimenta um mercado muito promissor.

A compra ou venda é um processo e os erros podem acontecer, afinal quem nunca errou ao iniciar algo novo? A grande questão é aprender a evitá-los e é justamente nisso que ter acesso as dicas, traz várias facilidades

O objetivo do texto é justamente mostrar que comprar e vender artes digitais pode ser mais simples do que você pensa. Sendo assim, é chegada a hora de ter todas as informações e confira como o processo não é difícil a seguir.

Quais são as 5 dicas na hora de comprar e vender artes digitais?

Certamente que o processo de comprar/vender artes digitais engloba muitas pessoas, conforme citado acima. Bem como, é importante aprender a como ter uma negociação melhor e confira 5 dicas sobre o que fazer a seguir:

1.    Comece pelas obras clássicas

Em primeiro lugar, na hora de comprar e vender artes digitais é fundamental que a escolha inicial seja a das obras clássicas. Para o vendedor é melhor, porque possibilita oferecer algo que o comprador já conhece previamente.

Vale lembrar que a arte é digital, portanto, guarda diferenças com a tradicional e não se trata da mesma coisa. Entretanto, o objetivo é aumentar a probabilidade de vender, mas essa dica não proíbe que obras autorais sejam ofertadas.

2.    Preste atenção nas informações sobre a obra

Lembra daquele ditado antigo “não julgue um livro pela sua capa”? É muito provável que sim, porque, em resumo, não adianta querer uma obra e não prestar atenção nas informações sobre a peça.

O mais indicado é dar uma lida no que a obra significa e em todo o processo criativo, porque evita erros. Da mesma forma, aumenta bastante a chance de ter uma negociação que atenda ao desejo das partes (comprador e vendedor.

3.    Comprar e vender artes digitais: Abra um leque de opções

O processo de compra e venda, em geral, não pode ser visto como algo único e sem tantas opções. Por outro lado, é fundamental que exista um leque de alternativas e possibilite que a negociação seja realizada da maneira adequada.

Quando alguém decide comprar, a chance de gostar de mais obras, desde que existam opções, é muito maior. Ao mesmo tempo, todo o sucesso da negociação depende disso e pode facilitar bastante que aconteçam novos negócios.

4.    Se atente ao tamanho e material usado para a obra

Um dos maiores erros, que acontece com frequência, é não prestar atenção no tamanho e tampouco no material usado para a obra. Em seguida, a compra/ venda pode ser feita de um modo errado e pode gerar algum arrependimento.

Por exemplo: a obra “A mão”, disponível nesse link, demonstra que o tamanho pode ser escolhido, porém a impressão é Fine Art e o suporte é de Papel Canson. Posteriormente, a negociação se torna assertiva e com mais chance de dar certo.

5.    Veja se o site oferece a segurança na hora de comprar e vender artes digitais

Por fim, é fundamental que o site seja seguro para compra ou venda e possa permitir que as negociações aconteçam. Dependendo da plataforma de construção do e-commerce, é simples de obter os plugins que tragam segurança.

É a hora e o momento de investir mais nesse novo estilo de arte, porque é democrático e acessível a todos. Logo após, para comprar e vender artes digitais é muito importante investir nas 5 dicas que foram mostradas no texto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *